terça-feira, 12 de abril de 2011

PMS CONSTRANGIDOS EM CASA

Não bastasse a determinação de um oficial de um batalhão da PM que obriga os policiais a realizarem pelo menos 25 abordagens por dia, noticiada pela TV Verdes Mares, agora os policiais militares, que já são mal remunerados e submetidos a carga excessiva de trabalho, estão sendo constrangidos na porta de casa pelo Comando da PM. 
Aqueles que se encontram de repouso por doença ou dão entrada em atestado médico por motivos superiores estão sendo surpreendidos em casa por oficiais da PM, no sentido de comprovar a veracidade da alegativa dos praças. Nas últimas horas, recebi inúmeros e-mails e telefonemas de policiais militares, indignados com essa situação. 
Eles contaram que uns oficiais - em missão nada mais nada menos que desagradável até porque nunca tiveram que lidar com uma situação como essa -, alegam aos praças estar apenas cumprindo ordens. Outros, disfarçam os reais motivos da missão, se dizendo preocupados com o estado de saúde dos pm´s. A verdade é que querem verificar se o policial está realmente em casa e a procedência do atestado, se é falso ou não. 
Com todo respeito aos esforços do Comando da PM e da própria Secretaria de Segurança Pública em aumentar o número de operações e de policiais nas ruas, na tentativa de diminuir os índices de criminalidade, mas ninguém pode mais adoecer na polícia? Como um policial desses pode servir a população à contento, se sentindo 24 horas  vigiado pela própria Corporação do qual faz parte?!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário